Categoria: Neuropsicologia

TDAH: o que é e como lidar

TDAH: o que é e como lidar

  |  Tempo de leitura: 4 minutos

O TDAH é um transtorno de causa neurobiológica e genética, que aparece na infância e acompanha o indivíduo o resto da vida. Pode ser classificado leve, moderado ou grave de acordo com o prejuízo gerado para o sujeito. Se consiste em uma hipoatividade do lóbulo pré-frontal, fazendo com que ele funcione de forma menos ativa do que a maioria das pessoas. É caracterizado por um padrão persistente de comportamento de desatenção e/ou hiperatividade ou impulsividade que interfere no funcionamento e desenvolvimento global, acarretando prejuízo no aproveitamento acadêmico, profissional e no desenvolvimento social. Como identificar o TDAH? Desatenção São sujeitos que frequentemente não prestam atenção a detalhes, e cometem erros por descuido. São facilmente distraídos por estímulos externos. Geralmente têm dificuldade de manter a atenção focada, se distraindo facilmente e perdendo de foco o objetivo. Os indivíduos apresentam dificuldades de seguir as instruções de uma atividade até o fim, muitas vezes...

Continue lendo
Pode ser TDAH

Anda distraído e perdendo coisas? Pode ser TDAH!

  |  Tempo de leitura: 5 minutos

Anda distraído, sempre perde as coisas e o chefe está no pé? Pode ser TDAH! Entendendo a incidência do TDAH Provavelmente você já ouviu falar em criança com TDAH ou, como é mais conhecido, criança com déficit de atenção e ou hiperatividade. Mas será que é possível esses sintomas permanecerem mesmo depois de se tornar adulto? Sim, e é muito comum ver adultos que quando ouvem sobre os sintomas de TDAH se identifiquem e acabem chegando à conclusão de que foram crianças com esses sintomas. Que talvez não tiveram diagnóstico e nem tratamento adequado. Mas não se preocupe, porque vou explicar direitinho para você sobre isso. E fique atento, porque se você tem filhos ou quer ter, existem grandes chances de apresentarem TDAH também. Aproveite e preste bastante atenção aos sintomas, pois, existem algumas diferenças na forma como aparecem em crianças e adultos. Características do TDAH Aquele menino não para...

Continue lendo

O autocuidado como resultado da psicoterapia

  |  Tempo de leitura: 2 minutos

Já parou para pensar na importância de trabalhar o autocuidado através da psicoterapia? É importante cuidar de você com respeito e responsabilidade. Autoconhecimento através da psicoterapia Ao iniciar o processo de psicoterapia, você se permite uma posição fora do automático e enxerga comportamentos que talvez não estejam te fazendo tão bem, escuta o que te incomoda e se permite um espaço fora da rotina para se conectar consigo mesmo sem julgamentos. Eventualmente, ao percebermos com mais consciência quem nós somos, e ao entendermos nossas buscas, nossos medos e nossos desejos, reconhecemos nossos potenciais e fraquezas. Isso faz com que fiquemos mais fortalecidos e preparados para lidar com nós mesmos e com os outros. Ou seja, entender os motivos é uma parte do autoconhecimento e nos leva a perceber mais claramente algumas situações e comportamentos, mas por si só não gera mudança. As transformações precisam de tempo, reflexão, vontade, coragem e...

Continue lendo