Categoria: Psicologia Clínica

Sobre a paciência

Paciência: qualidade, disfarce e conquista

  |  Tempo de leitura: 6 minutos

Se você assim como eu, vê-se em muitos momentos irritado com coisas do dia a dia que não deveriam, mas que te levam ao limite da irritação e do desconforto, você está lendo o texto certo para te ajudar a melhorar seu desempenho diante de tais acontecimentos. É pertinente explorar o conceito de paciência diante do imediatismo em que estamos mergulhados. Isso nos ajudará a entender o que é, e qual o papel dela em nosso desenvolvimento pessoal. Contextualizando a paciência A paciência é em si é a capacidade das pessoas em não se incomodarem em situações adversas, tais como: esperar em filas ou estabelecimentos públicos, irritar-se quando aquilo que foi planejado sai do controle, ou então quando nas relações em geral há desentendimento devido às diferenças naturais em qualquer ambiente. Geralmente, os chamados “pacientes” não se irritam com coisas pequenas, lidam bem quando perdem o objeto que gostariam de...

Continue lendo
Reflexões sobre o estresse

O que não conseguimos reconhecer – Reflexões sobre o estresse

  |  Tempo de leitura: 3 minutos

Refletir a multiplicidade de manifestação do estresse e sua relação com a qualidade de vida das pessoas é um dos grandes desafios no século XXI. Compreendê-lo, buscando a originalidade da palavra e fazendo a leitura que entenda o fenômeno que envolve a experiência em geral do estresse e qualidade de vida, pensando alguns caminhos importantes para lidar e conviver em situações estressoras é o objetivo neste texto. Entendendo o estresse O conceito de estresse se origina da palavra inglesa stress que significa pressão, tensão ou insistência. Também pode ser definido como a expressão do organismo em se adaptar a diferentes eventos. Construímos, então, o conceito de estresse como uma resposta do organismo a eventos que se caracterizam pela pressão, tensão e insistência e que nos levam a viver desajustamentos das experiências emocionais. Ilustra-se o conceito de estresse com uma história bem conhecida e que sempre nos ajuda no entendimento: pense...

Continue lendo
Disfunção erétil em homens

A disfunção erétil em homens e a influência do estado psicológico

  |  Tempo de leitura: 4 minutos

Ainda considerado como tabu para a comunidade masculina e para os profissionais de saúde mental e física, a disfunção erétil é pouco conhecida, mesmo sendo a causa de danos consideráveis para a vida das pessoas. Pode ser definida como a incapacidade em obter e manter a ereção peniana suficiente para uma relação sexual satisfatória. O problema pode ser de origem orgânica ou psicológica, mas aqui, trataremos a questão a partir do viés psicológico. A termologia remete-nos a um funcionamento “anormal” para manter o pênis ereto, e os motivos são os mais diversos. Por isso neste texto desejamos esclarecer e propiciar um diálogo mais aberto sobre este assunto. Disfunção erétil de causa emocional O estresse emocional, caracterizado pelo conjunto de experiências negativas que se traduz em intolerância é um dos fatores que se transformam em incapacidade de manter a ereção peniana. Em geral, o estresse quase sempre é impercebível e atinge...

Continue lendo
Idoso: grupo de risco, grupo de vida

Idoso: grupo de risco, grupo de vida

  |  Tempo de leitura: 3 minutos

Ao se falar em grupo de risco no contágio do coronavírus, somos levados a pensar apenas nos riscos físicos. Provavelmente você já pensou nos impactos sobre crianças, sobre divórcios, sobre violência doméstica, sobre as mulheres, mas e sobre o idoso? Você sabia que, embora a taxa de depressão tenha uma incidência comparativamente menor entre os idosos, a taxa de suicídio nesse grupo é bem maior? Será que poupar nossos idosos de irem ao supermercado ou à igreja basta para que eles efetivamente não morram? As evidências científicas apontam que não! Idoso em confinamento Embora possam abater qualquer pessoa, os impactos que a vida moderna têm sobre esse grupo parece potencializar os riscos de morte. Um ritmo de vida muito mais caótico que os de sua juventude, o caos tecnológico cada vez mais excludente, o colapso das estruturas e laços familiares em contraposição à pressão econômica para sustentar filhos e netos;...

Continue lendo
O que é um Psicólogo Clínico?

O que é um Psicólogo Clínico?

  |  Tempo de leitura: 4 minutos

Psicólogo é um profissional especializado que ajuda a lidar com as suas questões difíceis e desconfortáveis do dia a dia. ⁣ Esse profissional pode ajudar em diversas questões de saúde emocional, seguem algumas delas:  – Inteligência Emocional: aprender a reconhecer as emoções e a lidar melhor com cada uma delas; ⁣ – Equilíbrio Emocional entre vida pessoal e profissional; ⁣ – Relacionamentos Saudáveis: ter relacionamentos melhores – familiares, amorosos e/ou sociais⁣; – Expectativas: aprender a lidar com as expectativas internas e externas; – Crises: aprender a lidar com os momentos difíceis/crises da vida.⁣ Você se identificou com alguma das questões acima? Esse profissional pode te ajudar a lidar melhor com as emoções desconfortáveis que você esteja passando em alguma das áreas da sua vida: familiar, trabalho/educação, relacionamentos amorosos ou sociais, conflitos internos, entre outros. Mitos e verdades a respeito do psicólogo Psicólogo é coisa de louco? O psicólogo é um...

Continue lendo
Cuidadores

Cuidadores – Cuidar de quem cuida

  |  Tempo de leitura: 3 minutos

Você sabia que cuidar de quem cuida é tão importante como quem está sendo cuidado? Familiares próximos que cuidam de pacientes graves e crônicos necessitam de cuidados  e acompanhamento psicológico devido ao alto nível de stress que isso causa. O cuidador é submetido constantemente a pressões e angústias geradas pela responsabilidade de tal tarefa. Ele(a) muda totalmente seu modo de viver e pensar. Muda sua agenda, suas responsabilidades e prioridades. Cuidar do(a) cuidador(a) Sempre preocupando-se em cuidar, preocupa-se com horário de medicamentos, contato com os médicos, cuidados de higiene, alimentação e bem-estar do paciente,. Assim, tem que estar sempre à disposição, sempre presente, dando o melhor de si para que esse ente querido seja cuidado com todo carinho e conforto que o cuidador possa lhe oferecer! Muitos, por necessidade de continuar com sua vida profissional e social, contratam uma terceira pessoa para esse cargo, mas com o tempo percebem que...

Continue lendo