assedio moral

O que é assedio moral e como lidar quando isso acontece?

Assédio moral

O assédio moral pode acontecer em um ambiente de trabalho, do superior para o subordinado (ou de outros tipos de hierarquias), e pode acontecer também fora do ambiente de trabalho, mas, especificadamente, neste artigo, vou me ater ao assédio moral ocorrente em locais de trabalho, por ser o mais possível de ocorrer e por gerar diversas decorrências emocionais para a pessoa que sofreu o assédio moral.

Primeiramente relatarei o que vem a ser o assédio moral:

Assédio moral é qualquer conduta abusiva e/ou humilhante, intencional e freqüente, praticada pelo empregador ou por empregado em face de subordinado ou colega de trabalho, com o intuito de atacar a dignidade do trabalhador ou seus direitos, que possa trazer dano à personalidade, à dignidade, ou à integridade física ou psíquica de uma pessoa, colocando em perigo o emprego da pessoa que está sofrendo o assédio moral, ou até mesmo, que possa degradar o seu ambiente de trabalho.

Essa forma de violência psicológica no trabalho, ainda é subestimada pelas organizações, ainda mais se o sujeito que é vítima de assédio moral no trabalho, apenas sofrer as conseqüências psicológicas, sociais, físicas e de todas as esferas subconsequentes, sem poder verbalizar para ninguém o que está ocorrendo, e continuar a sofrer com tal problema.

É notável a grande conseqüência psicológica que pode surgir com esse tipo de relação abusiva no trabalho, na qual possa atingir outras esferas da vida da vítima, sem que a própria vítima consiga detectar os danos que está causando, muito menos, fazer com que outras pessoas no ambiente de trabalham saibam.

É importante que isso não seja escondido para que a pessoa que comete esse tipo de crime, seja responsabilizada, e para que a vítima possa parar de sentir tais humilhações, com intuito de não corroer, além do seu profissionalismo, todos os aspectos maléficos que o assédio moral possa causar.

Esses aspectos maléficos podem ser variáveis e, inclusive, muitas vezes, por serem também inconscientes, podem aparecer na vida da vítima em outras circunstâncias, sendo que ela própria, pode não perceber que esses acontecimentos que lhe fazem mal, sejam decorrentes do assédio moral.

A ridicularização que pode ocorrer em um assédio moral, bem como, qualquer outro tipo de humilhação, pode se deslocar para diversos aspectos da vítima, podendo se unir com outros aspectos comportamentais já presentes nesse sujeito (que foi vítima do assédio moral), o que pode fazer com que a pessoa obtenha uma diminuição da sua auto-estima, que é totalmente prejudicial para a mesma. E muitas vezes a vítima pode ter medo de delatar o abusador, por medo de perder o emprego, ou mera necessidade de se sustentar (e às vezes, sustentar uma família toda).

No assédio  moral podem ser inclusos questões preconceituosas de raça, oriental sexual, ideologia, classe social e etc.

O assédio moral pode trazer terríveis conseqüências à vida pessoal, profissional e familiar da vítima. É necessário tratar psicologicamente em terapia, para poder descobrir tudo o que o assédio moral acarretou, pode acarretar no presente e futuro desse sujeito e, de que forma, o assédio moral foi inserido na vida da vítima. Em conjunto com o tratamento psicológico, também pode ser necessário tratar juridicamente.

Fonte:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Ass%C3%A9dio_moral

http://www.assediomoral.org/spip.php?article1

Avalie esse artigo:

Comentários:

Please Login to comment