2 habilidades fundamentais para uma vida leve e feliz

3/5 - (4 votes)

Você sabe o que é fundamental para ter uma vida leve e feliz?

Falar sobre o que sentimos é uma questão de saúde emocional. Se você não quer adoecer, fale sobre os seus sentimentos, diz Dráuzio Varella.

Nos ambientes profissionais isso às vezes é um tabu, mas os sentimentos vão conosco em qualquer lugar onde estamos, portanto saber identificar, nomear, elaborar e expressar os nossos sentimentos de maneira ajustada, além de contribuir para o nosso bem-estar, demonstra maturidade. E maturidade contribui para a construção de relacionamentos saudáveis e produtivos, que por sua vez geram resultados positivos. Resultado positivo é o que todos desejamos, seja na área pessoal ou profissional da vida.

Para ter resultado positivo naquilo que nos propomos fazer há duas habilidades essenciais que vamos necessitar em praticamente tudo o que fazemos e em todos os nossos relacionamentos: assertividade e inteligência emocional.

Você é assertivo?

Ser assertivo é saber dizer sim e não quando necessário, é sair de cima do muro afirmando seus direitos, expressando seus pensamentos, sentimentos e valores de forma honesta, clara, coerente e contextualizada. É conjugar segurança e liberdade para se posicionar de modo autêntico, sem ser agressivo. É não violar os direitos dos outros e respeitá-los, mas sem ser submisso.

A assertividade contribui para a geração de comportamentos mais equilibrados e harmoniosos, com reações proporcionais às situações e para interações interpessoais mais saudáveis.

Para agir de forma assertiva a pessoa necessita desenvolver autoconhecimento, estar consciente de sua própria identidade e forças pessoais. Esse tipo de comportamento favorece a redução da ansiedade e trás um aumento da autoestima.

Como está sua inteligência emocional?

A Inteligência emocional é a capacidade de perceber, nomear, verbalizar e se comportar de modo construtivo diante das próprias emoções e das emoções dos outros. É uma aptidão mestra para a saúde emocional, para ter uma vida leve e feliz e com bem-estar. Ela afeta profundamente nossa forma de relacionar com a gente mesmo, com as pessoas e as situações ao nosso redor, facilitando nosso processo adaptativo quando nos dedicamos a desenvolvê-la e interferindo ou retardando esse processo de adaptação quando não nos atentamos para essa habilidade.

Muita ênfase é dada para habilidades e competências como foco, disciplina, organização, capacidade analítica, mas sem inteligência emocional para cultivar flexibilidade cognitiva e ser capaz de lidar com os diferentes tipos de sentimentos que experimentamos no estabelecimento das relações interpessoais, de nada adianta ter um plano de ação cuidadosamente estabelecido para nossas vidas.

Pessoas emocionalmente inteligentes desenvolvem mais respeito por si mesmas e pelos outros, são mais automotivadas, costumam ser mais tolerantes e se recuperar mais rapidamente das adversidades e dificuldades da vida, se comunicam com mais facilidade e mantém um humor mais estável, por isso se relacionam melhor, conseguem gerenciar suas emoções e tomar decisões mais adequadas aos seus propósitos. Isso faz com que tenham maior percepção de felicidade e bem-estar em suas vidas.

A recíproca pode ser verdadeira

Pessoas assertivas costumam ser inteligentes emocionalmente. Pessoas inteligentes emocionalmente costumam ser assertivas.

É possível se tornar competente emocionalmente

Primeiro vamos entender o que é e como desenvolver uma competência. A competência é um conjunto de habilidades e conhecimentos que você usa para atingir resultados. Há habilidades que você já possui e outras que você adquire ou ainda potencializa e fortalece através das experiências vividas. De igual forma há conhecimentos que você já possui e outros que adquire com a vivência, o estudo formal e informal, a observação e a pesquisa. Tanto a habilidade, quanto o conhecimento só tem valor se colocados em prática para transformar a sua realidade e a das pessoas ao seu redor.

A capacidade de aplicar suas habilidades e conhecimentos para gerar resultado é a competência. Quanto mais você pratica, melhor fica nessa determinada competência.  Você desenvolve competências colocando em prática, de forma consistente e constante as suas habilidades e conhecimentos.

Assertividade e inteligência emocional são competências, ou seja, são um conjunto de habilidades e conhecimento, e habilidade é algo que se aprende, é treinável. Quanto mais você treina e repete o treinamento, mais você aprende e aprimora a habilidade e mais ela se torna natural para você, até que sua aplicação passa a ser habitual nas diferentes situações da vida.

Tem coisas que não passam com o tempo

Quando se trata dos sentimentos muitos de nós ainda acreditam que é só armazenar e esperar porque com o tempo tudo se resolve. Entretanto, o que pode estar acontecendo é que a pessoa está criando um reservatório de mágoas, ressentimentos e sentimentos mal resolvidos que começam a intoxicar a vida dela, e esse “material tóxico” acumulado começa a se deteriorar e espalhar-se por todas as áreas da vida, influenciando sua visão de mundo, seu posicionamento, sua autoestima e seus relacionamentos. Agir de forma emocionalmente inteligente e assertiva é fundamental para lidar com os sentimentos e para a elaboração saudável deles e assim ter uma vida leve e feliz.

O que posso fazer?

Ter pessoas de confiança com quem conversar é importante, falar ajuda na elaboração interna dos sentimentos. Talvez você ache que há coisas em sua vida que não tem com quem compartilhar e está acumulando sentimentos. Para isso, ter um ouvido amigo é essencial, se esse ouvido for profissional é fantástico. Esse é o papel do psicólogo, criar um espaço seguro onde  você pode falar e ser alguém confiável para te ajudar a fazer suas reflexões, elaborações internas e descobertas emocionais.  Contar com ajuda profissional, ter um psicólogo para quem você pode falar sobre seus sentimentos faz toda diferença na saúde emocional.

Outra forma muito terapêutica de lidar com os sentimentos é escrever. Sim, escrever ajuda a organizar as ideias, gera alívio emocional e reduz o estresse, além de contribuir para a tomada de decisão. O Diário VOAR – Inteligência emocional para mulheres pode te ajudar muito nesse processo. Ele é uma série de vídeos com reflexões e atividades diárias. Todas as atividades também tem um arquivo em PDF que você pode imprimir e fazer para te ajudar no desenvolvimento de habilidades emocionais, organização e foco.

O Diário VOAR é uma ferramenta que criei e uso com minhas clientes no processo terapêutico e no método de coaching emocional VOAR, para facilitar e agilizar o desenvolvimento de quatro pilares da inteligência emocional:

1. Poder pessoal

2. Comunicação

3. Relacionamento

4. Foco

Praticar esses pilares vai te ajudar a agir de modo mais assertivo e inteligente emocionalmente para ter uma vida leve e feliz.

Quero saber mais sobre o VOAR

Você pode marcar sua sessão online comigo e experimentar, na prática, como o VOAR pode te ajudar a viver de forma mais leve e feliz.

Avalie esse artigo:

3/5 - (4 votes)

Comentários:

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments