Famílias

O olhar para dentro e a percepção da importância das famílias

Vivemos em tempos difíceis, onde as famílias são construídas na base do desconhecimento, onde cada ser é individual. Pais trabalham em média 20 horas por dia, filhos estudam 8 horas por dia e mal possuem tempo para brincar e se divertir.

Somos seres desconhecidos vivendo embaixo de um mesmo teto, compartilhando estórias, mas sem conhecer as preferências das pessoas que moram na mesma casa que nós. Será que elas estão sofrendo algum tipo de maus tratos? Ou bullying? Ou se precisam de um afeto, um carinho ou um simples abraço.

Um novo olhar para reconstrução das famílias

Pais desconhecem as preferências dos seus filhos. Desconhecem seu amigo, não sabem com quem o filho conversa e muito menos se ele está indo bem na escola. Afinal, reunião de pais é para pais que não trabalham, e somos muito ocupados para perder tempo em ir a escola e ouvir o que já sabemos. Será que sabemos mesmo?

A vida está dando a oportunidade de podermos olhar para nossa família. O isolamento social 24h por dia está proporcionando um novo olhar para a reconstrução das famílias.

Têm sido momentos difíceis, onde precisamos estar atento aos horários de início e fim das aulas online. Assim, precisamos proporcionar alimento aos nossos, mas acima de tudo precisamos olhar para dentro.

Dessa forma, perceberemos o quanto desacelerar tem sido importante e o quanto nossos pequenos precisam de atenção e carinho. E o quão bem faz perceber que em momentos difíceis podemos olhar ao redor e perceber quem realmente está ao nosso redor. Eles estão ali, por inteiro, e cheio de amor para dar.

Um ensinamento

Para ensinar que o mais importante é a família, a base que carregaremos na construção de um futuro digno e promissor.

Pare e reflita, aproveite o isolamento para brincar com seus familiares e sim perceber o quanto você é feliz e não sabia.

Avalie esse artigo:

Comentários:

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments