Categoria: Relacionamentos

como se livrar do medo de se relacionar

Entenda como se livrar do medo de se relacionar

  |  Tempo de leitura: 7 minutos

Relacionamentos são complexos em todas as esferas e níveis. Seja no ambiente pessoal ou profissional, é sempre delicado e envolve muitos fatores. O mais complicado é quando, ao longo da vida, passamos por algumas situações que criam barreiras e nos colocam em uma posição de isolamento social. Quando isso acontece, é preciso aprender como se livrar do medo de se relacionar. Temos medo de sofrer, de sermos enganados ou abandonados, no entanto, ao mesmo tempo em que criamos tais barreiras também estamos deixando de viver novas experiências ao lado das pessoas. As pessoas são diferentes. São criadas de maneiras distintas e possuem valores e personalidades variadas. Esse simples fato já é capaz de gerar muitos conflitos, pois ao nos relacionarmos com alguém precisamos estar prontos para lidar com o outro, ou seja, para lidar com o diferente. Como se livrar do medo de se relacionar: 7 dicas para colocar em...

Continue lendo
ciúme

Ciúme: quando ele se torna doentio e destrutivo

  |  Tempo de leitura: 9 minutos

Ciúme: aquele sentimento incômodo, motivado pela insegurança. Nasce de um medo quase inexplicável de perder a atenção e o interesse da pessoa amada. Quem nunca sentiu ciúmes que atire a primeira pedra! Aqui estamos falando falando do ciúme nos relacionamentos amorosos. Porém, ele também pode se manifestar entre irmãos, amigos e colegas de trabalho, por exemplo. No entanto, diz-se que sentir ciúmes é algo natural, e até mesmo uma herança deixada pelos nossos ancestrais. O homem primitivo sentia ciúme de sua parceira. Ele temia a possibilidade de que seus filhos não fossem legítimos e assim protegia sua linhagem. A mulher primitiva, por outro lado, sentia ciúmes do parceiro pelo medo de que ela e sua prole fossem abandonadas. Ela temia ficar sem o sustento dado pelo chefe da família. Se observarmos com cuidado, há uma grande parcela de verdade nessa correlação. Ficar enciumado diante de algumas situações é bastante comum...

Continue lendo
o que significa empatia

O que significa empatia? Saiba que ela é crucial para seu negócio

  |  Tempo de leitura: 9 minutos

O que significa empatia nos negócios? Em quais setores ela pode ser aplicada? De que formas essa habilidade impacta nos resultados? Neste texto, indicamos exemplos que ilustram como a prática da empatia pode levar você ao sucesso, aperfeiçoando serviços, produtos e processos diversos. Siga a leitura e descubra como transformar a empatia em uma ferramenta estratégica! Empatia: a melhor habilidade a se desenvolver Ser empático é, em resumo, saber se colocar no lugar do outro. Adotar sua perspectiva, para melhor compreender necessidades, desejos, gostos e dificuldades. Quando conseguimos decifrar o ponto de vista alheio, nossas respostas se tornam mais assertivas — o que configura o objetivo primordial de toda e qualquer empresa. Independente do produto ou serviço que você ofereça, já deve ter percebido que não basta garantir qualidade em matérias-primas e tecnologia. Seu foco deve ser o cliente, que norteia todas as etapas de desenvolvimento. As ciências do consumo...

Continue lendo
relacionamento aberto

Relacionamento aberto: será que ele funciona para você?

  |  Tempo de leitura: 9 minutos

Relacionamento aberto é aquele onde duas pessoas, em um relacionamento monogâmico, tomam a decisão consensual de explorar a não-monogamia. A decisão por manter um relacionamento aberto pode significar uma variedade de coisas. Da inclusão de novos parceiros sexuais juntos ou separadamente, até o desenvolvimento de relacionamentos românticos externos. Aparentemente, para o sucesso de uma relação assim, não há uma receita de bolo. A monogamia, enquanto estilo de relacionamento mais popular, não é o único estilo de relacionamento disponível. De fato, novas pesquisas sugerem que as pessoas em relacionamentos abertos ou poliamorosos são, na verdade, tão felizes, se não mais felizes, quanto as relações monogâmicas E, como a discussão tem sido crescente, decidimos falar um pouco sobre o tema. Que tal debatermos um pouco sobre o assunto e entendermos melhor essa possibilidade, só para evitarmos conclusões apressadas? Neste post, reunimos informações bem esclarecedoras, que não têm o intuito de encerrar a...

Continue lendo
Relacionamento abusivo

Relacionamento abusivo: 6 sinais de alerta

  |  Tempo de leitura: 9 minutos

Um relacionamento abusivo não começa com tapa na cara ou ameaça de morte. A violência, inclusive, pode jamais se manifestar de forma física. Infelizmente, isso não significa que a dor e a destruição sejam menos reais. Um relacionamento abusivo não precisa ser sinônimo de feminicídio para ter nossa atenção. Ou, pelo menos, deveríamos acordar para esse fato e encontrar o verdadeiro sentido de sororidade, olhando mais para a vida, sem esperar que tragédias escancarem o que minimizamos. Um relacionamento abusivo pode acontecer com qualquer uma — ou qualquer um. Pessoas lindas, divertidas, de bem com a vida, instruídas, saudáveis… Mulheres fortes e bem resolvidas. Sim, você poderá encontrar todos esses atributos em uma vítima de relação abusiva. Começamos com esse ponto porque a quebra do estereótipo é a premissa dessa conversa. Precisamos dissociar a violência doméstica de cenários e ações quase pejorativas. Toda vez que pensamos que só um soco...

Continue lendo
relacionamento dicas pra superar o fim

Relacionamento: 8 dicas para superar o seu fim

  |  Tempo de leitura: 9 minutos

Prepare-se: você escutará muitos conselhos quando comentar com os amigos que seu relacionamento amoroso chegou ao fim. Alguns dirão coisas que irão lhe tocar profundamente, desencadeando reflexões transformadoras. Outros, oferecerão palavras que você julgará bobas — que talvez até lhe irritem. A intenção é sempre a mesma: ajudar. Mas as pessoas são diferentes — e seus modos de enfrentar as consequências da vida, também. Dicas para superar o término do relacionamento Neste post, compartilhamos 8 dicas para superar o fim de uma história, de um amor. Mas, assim como seus amigos, o que temos a dizer não é uma fórmula mágica. Permita-se ler as sugestões sem prejulgamentos. Ignore aquelas que não conversarem com suas dores. Fixe naquelas que mais lhe incomodarem. Afinal, o que mais nos perturba, é o que primeiro precisamos resolver. Siga a leitura e, se puder deixar nos comentários algum conselho que acredite valioso, complemente nossa...

Continue lendo