Brand Experience: 5 sinais para investir na experiência da marca
Avalie este artigo
9 de abril de 2021 | 7 min de leitura
Employer Branding

Brand Experience: 5 sinais para investir na experiência da marca

Você se lembra daquela época em que a relação entre marca e cliente se encerrava após o momento da compra? Nesses tempos, as empresas com certeza ainda não conheciam o conceito de brand experience.

Estamos falando sobre experiência de marca, ou seja, sobre ir além de simplesmente convencer o cliente a comprar o seu produto e serviço e depois não trabalhar mais esse relacionamento. Em um mercado cada vez mais competitivo, é essencial que as marcas incluam em suas estratégias o brand experience para oferecer experiências diferenciadas que irão fortalecer a conexão e aumentar o engajamento.

É assim que se transformam simples clientes em embaixadores de uma marca, ou seja, pessoas que realmente são apaixonadas pela sua empresa. Neste artigo, vamos abordar mais detalhes sobre o conceito de brand experience, seus benefícios e os principais sinais de que a sua empresa precisa investir na experiência de marca. Continue a leitura e confira tudo!

O que é brand experience?

Branding experience, na sua tradução mais óbvia, nada mais é do que a experiência de marca. Trata-se de uma estratégia de marketing que tem como objetivo proporcionar uma experiência integrativa que seja capaz de agregar valor e uma percepção positiva e emocional aos clientes.

Nesse tipo de experiência são exploradas diversas áreas de percepção que ajudam, pouco a pouco, a construir uma imagem da empresa.

A consequência de uma boa estratégia de brand experience é o fortalecimento do vínculo entre marca e cliente, fazendo com que os consumidores se encantem pela marca e se tornem grandes embaixadores.

Como acontece o brand experience na prática?

Você deve estar se perguntando por que o brand experience é importante nos dias atuais. Bom, com tantos avanços, novas estratégias de marketing e acesso à informação, os consumidores estão mais exigentes.

Pare e pense no seu processo de decisão de compra, por exemplo. Se você quer comprar uma camiseta, vai analisar várias marcas e opções antes de decidir, não é mesmo? Mesmo sem se dar conta, muitas vezes acaba sendo influenciado pelo brand experience.

Toda interação que você tem com a marca, seja presencialmente ou online, impacta a sua decisão direta ou indiretamente. Se a experiência for positiva, então irá fortalecer a relação e contribuir para que a compra seja efetivada.

Mas, enfim, como acontece a experiência de marca na prática? Para ficar mais claro, confira alguns exemplos que separamos.

Interações entre marca e cliente

Uma interação entre marca e consumidor pode acontecer de diversas maneiras:

  • loja física;
  • loja online;
  • em eventos;
  • via email;
  • via mensagem de texto;
  • via telefone.

Pode parecer algo simples, mas já parou para pensar que por meio dessas interações há brand experience também? Isso porque em qualquer contato entre marca e cliente é possível criar uma experiência marcante e diferenciada. Muitas vezes, são pequenos detalhes que, em conjunto, criam uma experiência agradável que ajuda na construção de uma percepção positiva.

Na loja física, por exemplo, alguns pontos podem se destacar, como:

  • ambiente confortável;
  • aromas característicos que se conectam à identidade da marca;
  • playlist agradável alinhada à essência da marca;
  • vendedores treinados para atender conforme a percepção que se deseja criar sobre a marca.

Pense na sua loja favorita e, provavelmente, irá se lembrar de coisas como o atendimento, aroma, ambiente… Tudo isso é experiência. Você nem se dá conta, mas acontece o tempo todo.

Facilidades para o cliente

Não podemos nos esquecer de que o brand experience não se trata somente de tornar a experiência na loja física incrível e se esquecer de que todo o processo de compra deve ser simples e conveniente para o consumidor.

Para entender melhor sobre o que estamos falando, lembre-se de que um e-commerce, por exemplo, precisa ter um processo fácil de compra e entrega rápida (ninguém gosta de ficar esperando semanas e semanas pela sua compra, né?). Além disso, oferecer diferentes formas de pagamento ou até mesmo personalizar seus produtos e serviços também pode ser interessante.

Pode parecer insignificante, mas cada um desses detalhes importa. O brand experience está relacionado às sensações que você cria no consumidor e que, juntas, contribuem para uma percepção positiva sobre a sua marca.

Portanto, quando o site é fácil de navegar, a entrega chega rápido e você oferece várias formas de pagamento, a percepção positiva se cria a partir de sensações boas que o cliente tem no processo de compra.

Associações aos sentidos

Quantas vezes já aconteceu de você sentir um cheiro e se lembrar de uma marca? Provavelmente muitas vezes!

O brand experience tem relação direta com os sentidos humanos: olfato, tato, paladar, audição e visão.

Portanto, quando a marca conduz uma experiência na qual aguça algum dos sentidos, automaticamente está criando uma associação. Lojas com cheiros muito característicos, por exemplo, ficam em nossas memórias e todas vez que sentimos aquele aroma nos lembramos da marca.

Um ótimo exemplo de experiência relacionada ao olfato é a marca Melissa, com suas sandálias características com um cheiro único que o consumidor reconhece em qualquer lugar.

Já marcas que patrocinam shows, por exemplo, podem proporcionar experiências diferenciadas que trabalham vários esses sentidos. Você deve se lembrar de alguma ativação em festivais como Lollapalooza ou Rock in Rio.

Outro ótimo exemplo que podemos citar foi a experiência criada pela Samsung em uma loja totalmente inovadora, criada em Nova York. Nenhum produto era vendido nessa loja e a marca se preocupou apenas em oferecer, por meio de diferentes produtos e tecnologias, uma experiência única.

O objetivo era atrair o público para fortalecer o valor de inovação da marca e isso foi feito por meio de instalações interativas artísticas onde eram apresentadas tendências, como a realidade virtual. Imagine só a percepção que a Samsung conseguiu criar em seus clientes por meio dessa experiência que aguçou diversos sentidos como a visão e a audição?

Quais são os benefícios do brand experience?

Agora que já ficou claro o que é brand experience, vamos entender a sua importância para o crescimento das marcas. Confira, em seguida, alguns dos principais benefícios dessa estratégia.

Fidelização do cliente

Quando o consumidor vivencia uma experiência positiva com a marca, nasce e se fortalece um sentimento de afeto. Dessa forma, esses clientes se tornam embaixadores, ou seja, pessoas realmente apaixonadas pela marca que, assim, se tornam cada vez mais fieis e leais.

Agrega valor para os produtos e serviços

Uma marca forte é resultado de diversas estratégias bem executadas, sendo uma delas o brand experience. Quando isso acontece, a empresa se torna referência na sua área de atuação e, assim, o valor agregado aos seus produtos e/ou serviços cresce também.

Quando o consumidor enxerga os diferenciais da marca, esta sai na frente de seus concorrentes e, assim, pode cobrar um preço mais alto pelo o que oferece.

Facilidade nas vendas

Uma boa estratégia de experiência de marca contribui para facilitar o processo de vendas. Isso porque se o consumidor tem uma interação positiva e marcante, a decisão de compra se torna mais fácil, pois não é necessário convencê-lo sobre a qualidade do produto ou serviço. A experiência por si só já construiu isso.

Brand awareness

O conhecimento de marca também é essencial para o crescimento de uma empresa. Quanto maior o conhecimento do público em relação à marca, maiores são as chances de converter clientes e se fortalecer como referência no segmento.

O brand experience também contribui para o brand awareness, afinal, boas experiências ficam marcadas no consumidor e o levam fazer rápidas associações que contribuem para o fortalecimento da marca.

Fortalece o relacionamento e a comunicação com o cliente

Por fim, toda estratégia de brand experience contribui para a construção de uma da conexão entre marca e cliente. Essas experiências criam um relacionamento mais próximo, duradouro e genuíno que cria um canal de comunicação mais humano.

5 sinais de que a sua empresa deve investir na experiência de marca

Se a sua empresa ainda não investe em brand experience, confira os principais sinais de que chegou a hora de colocar em prática esta estratégia e colher os benefícios.

1. O conhecimento de marca é baixo

Um dos primeiros pontos para se analisar é o conhecimento de marca, ou seja, brand awareness. Se este indicador ainda for baixo, significa que há muito trabalho a ser feito e uma das estratégias que podem ser implementadas é o brand experience.

A experiência é um dos pilares que vai contribuir para fortalecer a marca na mente do consumidor e reforçar as mensagens certas para construir a imagem desejada.

Isso vale, também, para a atração de talentos. Com um brand experience efetivo, o brand awareness é maior e, consequentemente, há a possibilidade de um employer branding melhor trabalhado e mais efetivo — isso, em médio ou longo prazo, torna a empresa um local mais desejável para se trabalhar.

2. A empresa não consegue fidelizar clientes

Os seus clientes compram uma vez e depois somem? Talvez haja um problema sério de experiência de marca aqui. É importante refletir sobre as experiências proporcionadas tanto no ambiente físico como digital para fazer um diagnóstico do que pode ser melhorado.

Para oferecer experiências marcantes e positivas, vale a pena conversar com o público e entender o que ainda precisa ser aprimorado. Assim, a empresa tem um ponto de partida embasado para traçar novas estratégias mais eficientes e, assim, fidelizar o cliente.

3. Os clientes não associam a marca a experiências positivas

Quando questionados sobre a sua marca, as pessoas não fazem associações a experiências positivas? Então você tem um problema a ser resolvido aqui! Pior ainda se as associações forem somente negativas.

É importante que o público rapidamente faça associações relacionadas às sensações, facilidades e interações que existem com a sua marca. Se isso ainda não está acontecendo é porque, provavelmente, o brand experience não está sendo executado da forma mais adequada.

4. A empresa não é referência no seu segmento de atuação

Empresas que ainda não são referência em seus segmentos podem usufruir da experiência de marca para crescer e se fortalecer em um determinado ramo. Lembre-se de que toda experiência provoca algo positivo ou negativo nas pessoas.

O objetivo da sua empresa deve ser construir uma imagem na cabeça das pessoas que a fortaleça positivamente e como referência.

5. Enfrenta muitas dificuldades nas vendas

Uma das formas de alavancar as vendas é proporcionando experiências positivas ao cliente. Se as pessoas acabam optando por não comprar um produto ou serviço da sua empresa, então pode ser o momento de começar a investir em brand experience.

Quando os consumidores têm boas experiências com uma marca, consequentemente o processo de vendas é facilitado, afinal, se sentem mais atraídos e seguros para finalizar a compra.

Invista em brand experience e colha os benefícios

Após a leitura deste artigo deve ter ficado claro que investir em brand experience é essencial para o crescimento de qualquer empresa. Por isso, se a sua organização ainda não tiver implementado esta estratégia, a hora de começar é agora.

E para continuar aprendendo sobre as melhores estratégias para o desenvolvimento e evolução da sua empresa, não deixe de navegar pelo blog do Vittude Corporate, que está recheado de conteúdos incríveis.

Por Bruna Cosenza

Este post ajudou você? Então, aproveite para seguir a Vittude no Instagram e assine nossa newsletter para receber, em sua caixa de emails, notificações de mais conteúdos bacanas e novidades!
Avalie Este artigo

Leia também

Receba novidades da Vittude