Como a psicoterapia pode te ajudar a reter os melhores talentos
Avalie este artigo
6 de janeiro de 2020 | 6 min de leitura
Desenvolvimento de Pessoas

Como a psicoterapia pode te ajudar a reter os melhores talentos

A retenção de talentos é um dos maiores desafios que as empresas enfrentam. Isso porque manter os funcionários certos por bastante tempo na organização não é tão simples como parece. A pergunta que esse artigo irá responder é como a psicoterapia pode te ajudar a reter os melhores talentos.

Pare e pense: o que faz os colaboradores continuarem na sua organização? Por que eles não aceitariam outras propostas de emprego?

Se a sua empresa tiver uma estratégia eficaz de retenção de talentos, então com certeza as respostas para essas perguntas estão na ponta da língua e seus funcionários enxergam valor em continuar trabalhando na sua organização.

O que muitos profissionais de Recursos Humanos e grandes empresários ainda não perceberam é que a psicoterapia pode ajudar a reter os melhores talentos. Como? É isso o que vamos explicar com detalhes em seguida!

13 razões para investir em saúde mental

Como a psicoterapia pode ajudar a reter os melhores talentos?

Essa é provavelmente a primeira pergunta que você se fará caso nunca tenha ouvido falar na psicoterapia como um benefício corporativo. Sim, isso já existe, mas ainda não é amplamente disseminado.

Por muito tempo, os trabalhadores nem tinham benefícios corporativos. Ao longo dos anos, a legislação foi evoluindo e, hoje em dia, já é muito comum oferecerem planos de saúde, planos odontológicos, vale-transporte, vale-refeição, entre outros.

O avanço dos últimos tempos é oferecer uma espécie de “vale-psicoterapia” também, ou seja, cobrir totalmente ou parcialmente os custos do seu funcionário com a psicoterapia.

Bom, e o que tudo isso tem a ver com retenção de talentos? Simples! São os benefícios corporativos alguns dos grandes responsáveis por manter as pessoas em um emprego. Lógico que somente isso não é o suficiente, mas pode ter certeza de que já é meio caminho andado.

Vivemos em um cenário alarmante, no qual, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), 5,8% dos brasileiros têm depressão (a maior taxa do continente latino-americano) e 9,3% da população sofre com a ansiedade.

Por mais que a depressão seja uma doença muitas vezes subdiagnosticada e que ainda sofra os efeitos do tabu, boa parte das pessoas já entende o quão preocupantes são esses dados.

Não é a toa que a depressão se tornará a doença mental mais incapacitante do mundo até 2020. Com isso, os afastamentos ou até desligamentos do emprego por conta de transtornos mentais são cada vez mais frequentes, o que impacta diretamente os negócios de uma empresa.

A partir do momento em que a sua organização investe em saúde mental, ela está investimento na retenção dos seus melhores talentos. Em seguida, vamos entender mais detalhadamente essa relação.

Psicoterapia para employer branding

Já ouviu falar em employer branding, né? Trata-se de como os seus funcionários enxergam a sua empresa e qual a imagem da organização no mercado.

Existem diversas estratégias para elevar os níveis de satisfação dos colaboradores e tornar a sua empresa desejada, sendo uma delas oferecer psicoterapia como um benefício corporativo.

Pensa bem! Acabamos de falar sobre um cenário complicado em relação à ansiedade, depressão e tantos outros transtornos mentais, certo? Como você acha que os próprios funcionários enxergariam iniciativas da empresa relacionadas à saúde mental?

Não há dúvidas de que organizações capazes de detectar as reais necessidades de seus colaboradores saem na frente.

Por enquanto, boa parte das empresas ainda não oferece psicoterapia como um diferencial, sendo uma oportunidade tanto para focar no bem-estar dos funcionários como de se diferenciar no mercado e elevar a sua imagem como marca empregadora.

Psicoterapia para prevenção e tratamento de transtornos mentais

Não são só a depressão e a ansiedade que afetam drasticamente o dia a dia dos profissionais brasileiros. Uma pesquisa confirmou que 1 a cada 4 trabalhadores no Brasil sofre de burnout, a síndrome causada pelo estresse permanente no trabalho.

Esses são apenas alguns das questões com as quais os trabalhadores precisam lidar. Emoções estão por toda parte e nunca deixarão de existir. Trabalhar na prevenção e tratamento dos transtornos mentais não é mais uma opção, é uma obrigatoriedade.

As empresas, por sua vez, não podem se ausentar dessas preocupações que afligem pessoas do país inteiro. Até porque não é nem um pouco benéfico para as organizações que seus funcionários precisem se ausentar para se tratarem de doenças mentais.

Não tratar quadros como ansiedade e depressão já custam para a economia global cerca de U$$1 trilhão, pela queda da produtividade.

A maneira mais inteligente de lidar com esse cenário é trabalhando na prevenção dentro das empresas, promovendo um ambiente corporativo mais saudável e investindo em saúde mental.

E é claro que quando as empresas investem em uma necessidade relevante como essa, isso contribui para reter talentos, visto que há uma contribuição muito clara para que as pessoas daquele contexto sejam mais saudáveis e felizes.

Psicoterapia para desenvolvimento de pipeline de liderança

Por mais que depressão, ansiedade e burnout sejam os que chamam mais atenção quando o assunto é saúde mental, é preciso desmistificar que a psicoterapia não tem outros benefícios além do tratamento de transtornos mentais.

É comum que as pessoas fiquem surpresas ao descobrirem que as vantagens da psicoterapia podem ir muito além. Muitas empresas podem oferecer esse benefício com o objetivo de criar um pipeline de liderança efetivo e preparado para o crescimento da organização.

Afinal, a terapia é uma ferramenta muito importante para o desenvolvimento pessoal e profissional.

Por meio das sessões é possível aprender a lidar com a ansiedade diante de uma apresentação para o cliente, entender como receber feedbacks negativos e aprender a se comunicar com maior confiança e lidar com conflitos.

Já no caso de mudanças de posições e cargos, também é muito eficaz no preparo emocional de funcionários que irão assumir novas funções com altos níveis de complexidade.

Basta imaginar o quão assustador pode ser para um novo líder ter como primeira tarefa demitir um membro do seu time. Nem todos os profissionais estão prontos para tal obrigação e, com certeza, o atendimento psicológico pode ser benéfico.

Se você ainda está se perguntando o quanto isso agrega para reter talentos na sua empresa, a resposta é clara: ao investir no desenvolvimento da sua equipe, eles irão enxergar valor na organização.

Poxa, esse lugar pensa nas minhas necessidades e realmente quer me ver crescendo. Quantos funcionários podem dizer isso sobre o lugar em que trabalham?

A psicoterapia agrega valor para a sua empresa

Já deu para perceber como a psicoterapia pode te ajudar a reter os melhores talentos, não é mesmo? E oferecê-la como um benefício corporativo tem muito mais vantagens do que você poderia imaginar!

Altos cargos e salários não seguram mais ninguém dentro de uma empresa. É preciso ir além e oferecer o que realmente faz a diferença no dia a dia dos trabalhadores.

Se você ainda não se convenceu, saiba que de acordo com uma pesquisa feita pela OMS, para cada 1 dólar investido em cuidados preventivos de saúde mental, 4 dólares retornam em lucratividade para a organização. 

Portanto, não é um investimento que não reverbera para a empresa. Além de contribuir para a imagem da marca, agregar valor e ajudar na retenção de talentos, também contribui para que aqueles que permanecem na empresa, estejam mais feliz e produtivos, o que impacta diretamente no crescimento da organização.

A grande pergunta que fica no final de tudo isso é: está bem, e como faço para investir em saúde mental? O que devo fazer exatamente?

orçamento benfício vittude corporate

A resposta é o Vittude Corporate, um benefício corporativo que ajuda empresas a cuidarem da saúde mental dos seus colaboradores! Através de um investimento fixo mensal, por colaborador, sua empresa oferece ao time um subsídio parcial ou integral para sessões de psicoterapia, com psicólogos Vittude. 

Especialmente desenhado para empresas que desejam desenvolver o pipeline de liderança, investir em inteligência emocional, ter funcionários mais engajados e cuidar preventivamente da saúde emocional do ativo mais precioso: o colaborador. 

O que nós oferecemos? Oportunidade de cuidar da saúde mental dos seus colaboradores em qualquer canto do mundo, através de uma plataforma com mais de 3500 psicólogos altamente qualificados. Na Vittude, é possível optar entre o atendimento presencial e online, por meio de vídeo consultas. 

Nosso time possui alto nível de especialização, atuando fortemente na capacitação e conscientização das principais lideranças das organizações à respeito do tema de saúde mental, qualidade de vida e bem-estar. 

Apoiamos os gestores de RH na estruturação de programas de bem-estar e qualidade de vida, sendo o braço direito no diagnóstico, assessment, treinamento e tratamento. 

Competência, credibilidade, profissionalismo somados à capilaridade que você precisa para levar o acesso à saúde mental a todos os seus colaboradores!

Conheça algumas das empresas que já investem em saúde mental com a Vittude Corporate:Campari, Resultados Digitais, eduk, 99, imovelweb, ismart, entre muitas outras! Entre em contato e saiba mais clicando aqui!

Este post ajudou você? Então, aproveite para seguir a Vittude no Instagram e assine nossa newsletter para receber, em sua caixa de emails, notificações de mais conteúdos bacanas e novidades!

Leia também:

O que é atração e retenção de talentos?

Como usar benefícios para aumentar a lucratividade e reter talentos na empresa

Por Bruna Cosenza

Este post ajudou você? Então, aproveite para seguir a Vittude no Instagram e assine nossa newsletter para receber, em sua caixa de emails, notificações de mais conteúdos bacanas e novidades!
Avalie Este artigo
O que a empresa deve fazer para reter talentos O que é plano de retenção O que pode ser chamado de retenção de talentos Qual a importância da psicologia organizacional para as empresas

Leia também

Receba novidades da Vittude