Como fazer um planejamento anual de sucesso para 2021?
Avalie este artigo
9 de dezembro de 2020 | 7 min de leitura
Habilidades e Competências

Como fazer um planejamento anual de sucesso para 2021?

O segundo semestre do ano é o momento em que as empresas entendem por que e como fazer um planejamento anual. Isso é muito importante porque é o planejamento que vai direcionar os negócios no ano seguinte.

Um dos maiores erros que as organizações podem cometer é ignorar a parte de planejamento e já partir para ação logo de cara, pois dessa forma podem direcionar esforços para as frentes erradas e perder grandes oportunidades de crescimento.

Toda boa estratégia passa, primeiramente, por um planejamento anual, ou seja, por uma organização das ações e prioridades que respondam diretamente às metas e objetivos da empresa.

Com a chegada do final do ano, se aproxima ainda mais a necessidade de parar um pouquinho para organizar a casa. Por isso, não deixe para última hora e comece agora mesmo a entender como fazer um planejamento anual.

Este artigo é um guia completo sobre o assunto que vai te guiar nessa etapa tão necessária para qualquer empresa. Confira!

O que é um planejamento anual?

Um planejamento anual se trata de uma maneira de organizar os objetivos do negócio e quais ações serão traçadas para atingi-los. Portanto, nada mais é do que uma ferramenta estratégica para o crescimento saudável e sustentável de uma empresa.

Um planejamento anual empresarial deve ser feito com antecedência, ou seja, sempre no ano anterior. Assim, é possível realizá-lo com calma e avaliar quais são as melhores rotas.

Além disso, não se pode esquecer dos KPIs, ou seja, os indicadores-chave de performance, que são muito importantes para acompanhar o desempenho das ações traçadas. Sem os KPIs é como se você estivesse dando tiros no escuro, sem saber o que está dando resultado e o que não está.

Além disso, para a execução do planejamento anual eficiente é preciso olhar para tudo o que foi feito e conquistado no ano anterior, além de ficar atento às tendências e movimentações no mercado.

Por que montar um planejamento anual para a empresa?

Além de entender como montar um planejamento anual empresarial, também é importante conhecer as vantagens dessa prática.

Para começo de conversa, planejar é uma maneira de evitar erros e imprevistos. Tirar um tempo para organizar a casa e se preparar para o ano que está por vir não é perda de tempo, pelo contrário. É uma maneira de criar um norte e garantir que todos os colaboradores estejam remando na mesma direção. E é claro que, dessa forma, você diminui os riscos de falhas e escolhas equivocadas.

Quando é realizada uma análise interna e externa para se chegar às metas do ano, fica mais fácil se preparar e tomar decisões estratégicas que contribuam para o crescimento do negócio.

Mesmo assim, tome cuidado, pois um planejamento anual não significa que erros não serão cometidos. Ao longo do caminho, a rota traçada pode ser afetada por diversos fatores e será preciso revisar e corrigir o que foi planejado.

Quer um exemplo? Basta pensar na pandemia causa pelo novo coronavírus em 2020. Ninguém estava esperando pela doença e todas as mudanças que ela ocasionou na vida das pessoas. As empresas, por exemplo, precisaram adaptar os processos seletivos. Um planejamento anual empresarial dificilmente leva em consideração que o mundo pode precisar enfrentar uma pandemia.

Por isso, nem mesmo o melhor planejamento não pode prever tudo o que vai acontecer. É preciso se organizar? É claro. Mas ter consciência de que imprevistos cruzarão o caminho também é necessário.

Como fazer um planejamento anual?

Por fim, chegou a hora de falar sobre como fazer um planejamento anual de sucesso para 2021. Cada empresa deve encontrar os processos que fazem mais sentido para a sua realidade, mas existem algumas boas práticas que valem para todo mundo. Em seguida, confira quais são:

Antes de olhar para o futuro, analise o passado

Quando o assunto é como fazer um planejamento anual, o primeiro passo é olhar para trás.

Como foi o planejamento do ano anterior? O que deu certo? O que sofreu desvios? Quais metas foram alcançadas?

O ciclo anterior deverá trazer algumas respostas em relação ao que precisa ser priorizado no ano que está por vir. Todos os aspectos e áreas do negócio devem ser analisados.

Processos financeiros, desempenho dos colaboradores, ações comerciais, vendas etc. Nesse momento, é necessário analisar todos os pontos que tinham metas envolvidas e que acabaram não atingindo os resultados esperados.

Após esse mapeamento, você já tem um ponto de partida e sabe quais são os pontos mais críticos do ano anterior que precisam de estratégias de melhoria.

Entenda o cenário do mercado atual

Não basta olhar apenas para dentro de casa. Outro ponto essencial para se levar em consideração quando estamos falando sobre como fazer um planejamento anual é o mercado.

Quais são as tendências? Como anda a economia? O que os concorrentes estão fazendo? Quais são as necessidades do público? Quais são os novos mercados com potencial de crescimento?

Não se esqueça de que o contexto externo pode impactar muito os negócios da empresa, por isso, ter um olhar atento em relação ao que está acontecendo lá fora é primordial. Além disso, essas análises podem trazer ótimos insights sobre novos produtos, formatos de serviços e outros pontos relacionados à inovação.

Projete diferentes cenários

Instabilidades e imprevistos fazem parte do dia a dia de uma empresa, afinal, o mercado está repleto de variáveis. Para lidar se munir e evitar riscos, é interessante, ao longo do processo de planejamento anual, listar as variáveis que podem interferir no negócio.

Essa antecipação de cenários é uma maneira inteligente de lidar com os imprevistos, pois ajuda os gestores a analisarem diferentes possibilidades com calma e sangue frio. O resultado? Tomadas de decisões muito mais eficientes e embasadas lá na frente.

Defina objetivos, metas e KPIs

Os objetivos são descrições concretas aquilo que se deseja alcançar ou onde se almeja chegar. No ambiente corporativo, por exemplo, um objetivo pode ser implantar um novo software.

As metas, por sua vez, dizem respeito às ações que você vai executar para atingir tais objetivos. Enquanto o objetivo é aquilo que se deseja alcançar, as metas são os prazos e passos que devem ser realizados para chegar até o objetivo.

Para ficar mais claro, basta pensar que a sua empresa pode ter o objetivo de ser mais conhecida no mercado. Uma das metas para atingir esse objetivo pode ser criar um posicionamento institucional e estruturar uma campanha de marketing voltada para branding.

Ao executar o planejamento anual da empresa é preciso ter em mente os objetivos centrais (envolvem vários resultados menores e são objetivos macro), objetivos complementares (são as etapas intermediárias aos objetivos centrais), as metas globais (que unem os esforços de todas as áreas e colaboradores) e as metas individuais (dizem respeito a cada área ou profissional).

O ideal é que as metas e objetivos sejam quantitativos e, além disso, é indicado o uso de indicadores de performance, os KPIs, para analisar o desempenho. Existem muitos KPIs e isso não significa que você precise monitorar todos. É importante fazer uma escolha estratégica e filtrar os indicadores que correspondem às metas e objetivos estabelecidos.

Organize o orçamento voltado para cada uma das áreas

O planejamento anual também contempla a etapa de orçamento. É importante, a partir das metas e objetivos, alinhar com cada área qual é a projeção de gastos para que cada um consiga fazer as ações saírem do papel conforme o previsto.

Um erro que não pode acontecer é traçar metas muito ousadas e não oferecer o suporte financeiro necessário, afinal, ninguém faz milagre.

A área de marketing, por exemplo, costuma precisar de uma verba maior, pois os investimentos em mídia são altos. Por isso o planejamento é tão importante, pois é nesse momento de análise de cenários e estruturação de objetivos e metas que se tem clareza sobre o orçamento necessário.

Outros gastos que devem ser contemplados são: folha de pagamento, atração de talentos, treinamentos, tecnologia, infraestrutura e por aí vai.

Organize os objetivos e ações ao longo dos 12 meses

A ansiedade muitas vezes fala mais alto e acabamos querendo conquistar tudo de uma vez, não é mesmo? Quando o assunto é como montar um planejamento anual, não se pode cair nessa armadilha.

O ano tem 12 meses, ou seja, é bastante tempo e não é preciso atingir todas as metas em pouco tempo. O planejamento existe justamente para fatiar as ações ao longo desse tempo e evitar a sobrecarga de trabalho e pressão.

Documente o planejamento anual

Tudo o que foi estabelecido no planejamento anual precisa ser documentado, seja virtualmente ou por meio de arquivos impressos. O importante é que os líderes da empresa tenham acesso a esse material, até porque de tempos em tempos pode ser que ele precise ser reavaliado conforme os imprevistos.

Tendências para ficar de olho em 2021

Para finalizar, separamos algumas tendências nas quais as empresas devem de olho no ano que está por vir. Não podemos negar que 2020 foi turbulento, mas também causou revoluções positivas no dia a dia de muitas organizações!

Cuidados com a saúde mental

A busca por cuidados relacionados à saúde mental cresceu, e muito, durante a pandemia. Um estudo recente que nós, da Vittude, conduzimos com o Opinion Box, revelou que a valorização à saúde mental aumentou, mas a qualidade do trabalho sofreu bastante na pandemia.

Entre os dados coletados com os profissionais da pesquisa, 62% afirmaram que na pandemia passaram a entender a importância de cuidar da saúde mental.

 Já em relação à percepção sobre as empresas na quais trabalham, 47% afirmaram que as organizações estão preocupadas ou muito preocupadas com o impacto da pandemia na saúde mental dos colaboradores. O outro lado da moeda é que 25% acham que os empregadores não estão atentos a essa questão.

Algumas empresas já avançaram, outras ainda engatinham em relação aos cuidados com saúde mental. O ponto aqui é que esse assunto ganhou holofote em 2020 e a tendência é que a preocupação com o bem-estar emocional dos funcionários continue em alta nos próximos anos.

Entre tantas coisas ruins que a pandemia trouxe, um de seus benefícios foi esse: mostrar às pessoas que prevenir e tratar distúrbios mentais, como ansiedade, depressão e burnout é coisa séria. E quando as empresas não fazem isso saem perdendo, pois muitos afastamentos são consequência de problemas de saúde mental.

Portanto, repensar os benefícios corporativos da sua empresa em 2021 e trazer a pauta da saúde mental para o dia a dia é essencial.

orçamento benefício vittude corporate

Crescimento do trabalho remoto

Mais de 40% das empresas aderiram ao trabalho remoto durante a pandemia. Essa era uma tendência que ainda não tinha ganhado força aqui no Brasil, mas que agora tem tudo para mudar totalmente o dia a dia de trabalho de muitos profissionais.

O mercado imobiliário deve sentir o impacto, pois muitas empresas deixaram ou pretendem deixar de ter um espaço físico que contemple todos os colaboradores. A palavra da vez é flexibilidade.

Ficar de olho nas políticas de home office e continuar oferecendo esse benefício em 2021 pode ser um caminho interessante, afinal, muita gente gosta de ter a liberdade  de trabalhar em casa.

Além disso, o trabalho remoto acaba exigindo que a empresa adapte vários de seus processos, como onboarding, reuniões de time e até mesmo a questão de equipamentos. Por isso, não se esqueça: se for estruturar um time de trabalho remoto é preciso ficar de olho nas necessidades dos colaboradores também.

Comece agora mesmo o seu planejamento anual

Gostou de entender como fazer o planejamento anual da sua empresa? Com certeza, já deu para perceber que se organizar com antecedência é essencial para alcançar o sucesso e bater as suas metas.

Por isso, não deixe o ano terminar sem reunir o time e começar a planejar tudo o que a sua empresa deseja conquistar em 2021!

E se quiser continuar lendo conteúdos incríveis como este, acesse o blog da Vittude Corporate!

Por Bruna Cosenza

Este post ajudou você? Então, aproveite para seguir a Vittude no Instagram e assine nossa newsletter para receber, em sua caixa de emails, notificações de mais conteúdos bacanas e novidades!
Avalie Este artigo

Leia também

Receba novidades da Vittude