Trabalho em equipe e liderança: desafios para os gestores
Avalie este artigo
20 de maio de 2021 | 7 min de leitura
Habilidades e Competências

Trabalho em equipe e liderança: desafios para os gestores

O trabalho em equipe é um ingrediente essencial para o sucesso de uma empresa. Ninguém chega a lugar nenhum sozinho e o mais interessante é que pessoas com características e habilidades diferentes podem somar para resolver um problema em conjunto.

Mesmo com todos os seus benefícios, a ausência de trabalho em equipe ainda é um problema muito grande dentro de várias empresas que não contam com times integrados e alinhados, trabalhando em prol de um mesmo objetivo.

Para entender melhor por que o trabalho em equipe é tão valioso para uma empresa e como ele pode ser desenvolvido no dia a dia, leia este artigo até o final e confira todas as informações sobre o assunto!

O que é trabalho em equipe?

O trabalho em equipe diz respeito aos esforços conjuntos de um grupo de pessoas que trabalha de forma colaborativa para atingir um determinado objetivo ou resolver um problema. Dessa forma, com a união de várias pessoas com habilidades e características complementares, crescem as chances de se alcançar melhores resultados.

Vale ressaltar que o trabalho em equipe não se trata apenas de um grupo de indivíduos que trabalham juntos. Além disso, preza pela convivência amigável e fortalece o senso de pertencimento de que todos estão no mesmo barco trabalhando em prol de objetivos em comum.

Um ótimo exemplo de trabalho em equipe acontece no meio esportivo, em que cada jogador costuma ter uma função específica que deve ser executada sem invadir o espaço do outro. Juntos, se complementam e atingem o objetivo no jogo, que é ganhar.

Qual é a importância do trabalho em equipe?

Cada vez mais as empresas estão buscando profissionais que trabalham bem em equipe e, assim, conseguem lidar com visões e backgrounds diferentes. Isso é muito importante no meio corporativo porque quando pessoas diversas se unem em torno de um objetivo em comum, é importante que pensem de formas diferentes e agreguem com habilidades complementares, não iguais.

Por outro lado, respeitar as diferenças e saber se colocar no lugar do outro é um grande diferencial para a carreira de uma pessoa, principalmente para quem deseja se tornar uma liderança.

O trabalho em equipe, portanto, é importante para todos os envolvidos. A empresa se beneficia por conseguir atingir resultados ainda melhores quando todos focam em algo em comum. E os colaboradores se desenvolvem e aprendem mais sobre relações interpessoais e maneiras de evoluir profissionalmente.

O que atrapalha o trabalho em equipe?

Muitas empresas enfrentam dificuldades para estabilizar o trabalho em equipe porque existem diversas barreiras que atrapalham a colaboração entre vários profissionais. Confira, em seguida, alguns exemplos dessas adversidades.

Individualismo

O oposto de trabalho em equipe é o individualismo. Algumas pessoas pensam apenas em si mesmas e isso se aplica ao ambiente de trabalho também. Tem gente que quer simplesmente fazer o seu trabalho, bater o ponto e receber o salário no final do mês. Falta a mentalidade colaborativa.

Esse tipo de pensamento é muito ultrapassado, pois ignora o fato de que a empresa não consegue crescer com apenas uma pessoa. Do mesmo jeito que as tarefas executadas por cada um muitas vezes também depende de vários outros profissionais. Quando falamos sobre trabalho e carreira, existe uma teia conectando muitos indivíduos ao mesmo tempo. A verdade é que o individualismo é o inimigo do sucesso.

Problemas de comunicação

A comunicação é uma aliada poderosa em várias esferas da vida, inclusive no trabalho em equipe, que une várias pessoas diferentes trabalhando juntas em prol de um objetivo em comum.

É importante fazer alinhamentos, dividir informações e tirar dúvidas, caso contrário, surgirão ruídos na comunicação que afetam o trabalho como um todo. Pessoas muito fechadas a críticas e diálogos costumam sofrer mais nesse tipo de contexto.

Falta de comprometimento

Outro ponto essencial é o comprometimento, afinal, estamos falando de várias pessoas unidas trabalhando juntas. Quando uma se compromete a fazer algo e não faz, todas as outras sofrem as consequências.

Por isso, é muito importante garantir além de uma boa comunicação, o comprometimento de todos em relação à execução de tarefas e seus respectivos prazos. Só assim o trabalho em equipe funciona de verdade.

Preconceitos

Aceitar perspectivas, ideias e backgrounds diferentes também é muito importante para que o trabalho em equipe flua naturalmente e atinja melhores resultados. Portanto, pessoas com dificuldades para aceitar a diversidade podem acabar sofrendo mais e impactando negativamente a harmonia como um todo.

Desvalorização do trabalho alheio

Por fim, a desvalorização do trabalho alheio também é uma barreira enorme para a evolução do trabalho em equipe. O olhar deve ser sempre construtivo para, assim, incentivar que todos melhorem e evoluam, e não que se sintam inferiores e menosprezados.

Qual é o papel das lideranças no trabalho em equipe?

As lideranças dos times têm um papel essencial na condução de um trabalho em equipe, ou seja, são elementos-chave para que esse processo ocorra da melhor forma possível. Em seguida, confira algumas dicas para que empresas e lideranças, em conjunto, consigam extrair os grandes benefícios de um bom trabalho em equipe.

Fomentar a conexão com o propósito

É interessante que os colaboradores tenham uma forte conexão com o propósito da empresa. A performance de cada um é maior conforme eles têm clareza desse propósito e se sentem comprometidos a ele.

A partir do momento que as lideranças fortalecem esse propósito, também tornam mais forte o senso de pertencimento. Por isso, é tão importante também no recrutamento garantir a atração e contratação de talentos que têm uma conexão real com o negócio da empresa e a sua razão de existir.

Tudo isso contribui para que, posteriormente, um trabalho em equipe seja melhor executado, pois todos levantam e defendem uma mesma bandeira e esse é um grande ponto de conexão.

Extrair o melhor de cada um

Cabe ao líder entender profundamente o perfil de cada membro de uma equipe para, assim, conhecer os pontos fortes que podem ser aproveitados. Ninguém além da liderança tem uma visão tão holística, portanto, este é o profissional responsável por direcionar e orientar para que todos atinjam o máximo do seu potencial.

Garantir objetivos e metas em comum

O planejamento estratégico de objetivos e metas deve considerar que alguns colaboradores podem ter metas compartilhadas. Dessa forma, divide-se a responsabilidade e cria-se um ambiente mais propício para a colaboração entre as pessoas.

Os líderes são responsáveis por deixar claro que existem objetivos em comum e que todos são responsáveis, mas cada um irá somar de uma forma diferente. Afinal, um trabalho em equipe funciona quando as pessoas agregam de maneira complementar.

Comunicar tudo de forma clara e transparente

A comunicação é a base de tudo em um trabalho em equipe, afinal, estamos falando sobre de pessoas atuando em conjunto em prol de objetivos em comum. A troca de informações é essencial para garantir que o trabalho e os resultados sejam os melhores possíveis.

As lideranças centralizam muitas informações valiosas que precisam ser disseminadas entre as equipes. Por isso, é essencial que estes profissionais tenham boas habilidades comunicativas.

Garantir responsabilidades bem definidas

Para que o trabalho em equipe funcione, não deve haver sobrecarga de trabalho e nem sobreposição de responsabilidades. Os líderes precisam orientar claramente qual é o papel de cada membro do time para que todos se ajudem e se complementem, não se sobreponham.

Além disso, nesse momento de divisão de responsabilidades é muito importante que seja levado em consideração as habilidades, pontos fortes e também o nível de experiência de cada profissional.

Conseguir mediar conflitos

Um bom líder é aquele que, além de todas as funções relacionadas a direcionamento e orientação, também consegue mediar conflitos de maneira inteligente e saudável. É normal que ao longo de um trabalho em equipe surjam alguns desentendimentos e, nesse momento, cabe à liderança dialogar e encontrar uma solução para os problemas que estão sendo enfrentados.

De maneira alguma o líder deve se ausentar ou tomar partido. Nesses casos, é preciso mediar e trabalhar para chegar à solução e não ficar dando razão para um ou para outro.

Oferecer feedbacks construtivos

Também cabe ao líder realizar os ciclos de feedback com muita maturidade e responsabilidade. Nesse momento, cada membro do time deve receber um retorno em relação aos seus pontos fortes e fracos e desempenho de forma geral. Os feedbacks ajudam a orientar os profissionais em relação ao que têm de melhor e como podem evoluir.

Um feedback bem fornecido funciona até mesmo como uma ferramenta de autoconhecimento que é capaz de ajudar a clarear o que cada um precisa desenvolver. Dessa forma, o trabalho em equipe também sai ganhando, pois todos ficam mais conscientes em relação ao que fazem de melhor e quando precisam pedir ajuda do colega.

Reconhecer um bom trabalho

Por fim, é interessante pontuar que boas lideranças não são aquelas que apenas cobram. Elas também reconhecem um bom trabalho e apreciam quando o seu time trabalha em conjunto para atingir um resultado ou superar as expectativas.

Esse tipo de atitude é essencial para motivar os colaboradores e fomentar o sentimento de pertencimento e reconhecimento.

As lideranças e o trabalho em equipe no home office

Durante a pandemia causada pelo novo coronavírus a dinâmica de trabalho mudou muito dentro das empresas. Uma das principais novidades foi a adoção do home office por muitas organizações.

Assim, o dia a dia se modificou bastante e as lideranças passaram a enfrentar novos desafios. O mesmo vale para o trabalho em equipe, que sofreu transformações significativas neste novo formato de trabalho.

Vale pontuar que os líderes precisaram encontrar uma nova maneira de trabalhar com seus times e acompanhar a evolução dos projetos. O trabalho em equipe continua sendo essencial, mas agora em uma nova dinâmica.

A grande dúvida que surgiu logo de cara dizia respeito a como dar andamento a tantas coisas trabalhando a distância. A boa notícia é que a tecnologia ajudou muito a criar pontes entre os profissionais e apesar de todas as adversidades, a resiliência e a inteligência emocional ajudaram bastante nesse processo.

Confira, em seguida, algumas dicas para as lideranças continuarem fomentando o trabalho em equipe mesmo no home office:

  • criação de reuniões virtuais periódicas de acompanhamento de projetos;
  • criação de reuniões virtuais periódicas individuais com membros da equipe;
  • orientações em relação às diferentes ferramentas de comunicação que podem ser utilizadas;
  • orientações em relação ao equilíbrio emocional no home office;
  • dicas sobre boas práticas para criação de reuniões virtuais com muitas pessoas.

Enfim, no geral o mais importante é que a liderança esteja presente e ajude a direcionar os membros do seu time a lidarem da melhor forma com a nova rotina de trabalho.

Continue aprendendo sobre lideranças com a Vittude

Neste artigo nos aprofundamos na importância das lideranças para o trabalho em equipe ser bem-sucedido. Se você gostou e quer continuar aprofundando o seu conhecimento com a Vittude, baixe o nosso ebook gratuito “Montando equipes de sucesso”.

O material está repleto de conteúdos muito relevantes:

  • características de um bom líder;
  • razões para investir em uma boa liderança;
  • como encontrar bons líderes;
  • como desenvolver líderes e mais!

Baixe agora mesmo e comece a cultivar lideranças poderosas na sua empresa!

Para mais artigos como este, acompanhe o blog do Vittude Corporate!

Por Bruna Cosenza

Este post ajudou você? Então, aproveite para seguir a Vittude no Instagram e assine nossa newsletter para receber, em sua caixa de emails, notificações de mais conteúdos bacanas e novidades!
Avalie Este artigo

Leia também

Receba novidades da Vittude