mindset

MINDSET: AUTOCONHECIMENTO QUE TRANSFORMA

Um termo muito usado hoje é produtividade performance, seja você um profissional do meio corporativo ou um atleta, os chefes e treinadores sempre querem mais desempenho. Para isso, um dos pontos mais valorizados é a capacidade de se reinventar diante de situações adversas. E se eu te dissesse que a Psicologia pode te ajudar a alcançar seus objetivos e ter um mindset que colabore com o que lhe é requisitado no trabalho?

Mindset, a configuração principal do nosso cérebro, é ela que dita nossos comportamentos, por isso, através do autoconhecimento, conseguimos tornar atitudes, que antes eram inconscientes, conscientes, tornando possível uma tomada de decisão mais assertiva e goal driven. Há crescimento no autoconhecimento, atinja seus objetivos e se torne um profissional melhor.

Mindset

Mindset, como dito anteriormente, é a configuração principal do cérebro, controla a maneira de encarar e agir diante de situações do cotidiano, conhecidas ou desconhecidas.  Existem dois tipos, o fixo, que busca estabilidade e assume poucos riscos, e o de crescimento, que está disposto a arriscar e se aprimorar. Em geral, é difícil ter alguém 100% em um grupo ou outro, geralmente há uma mistura dos dois, podendo ser mais inclinado a um lado ou ao outro. As pessoas que encontram-se mais voltadas para o segundo grupo, geralmente são mais tolerantes à frustração, possuem um nível de aprendizado constante melhor e estão sempre buscando se aprimorar, seja no trabalho ou na vida pessoal, o que indica que conseguem ser mais focadas e orientadas a objetivos, goal driven. Mindset não é uma estrutura imutável, muito pelo contrário, como é uma construção do período da infância e experiências mais marcantes ao longo da vida, ele pode sim mudar e, possibilitar com estas mudanças maior assertividade de ações, atitudes, ocasionando em um sucesso maior no que diz respeito a objetivos. Como modificar um mindset? Autoconhecimento.

Alguns benefícios do mindset de crescimento

·         Melhora dos relacionamentos interpessoais

·         Alta tolerância à frustração

·         Empatia com o outro

·         Goal Driven

·         Comunicação assertiva

·         Comportamentos assertivos

·         Tomada de decisão mais rápida e eficaz

·         Boa receptividade a críticas

·         Busca de melhora contínua

Autoconhecimento pela Cognitivo Comportamental

 

A Psicologia na abordagem Cognitivo Comportamental propõe que as cognições ou funções cognitivas influenciam emoções e comportamentos, e a maneira de se comportar dá forma a padrões de pensamento e emoções. O cérebro realiza o processamento de novas informações a cada situação vivenciada, ou seja, ao identificar e reconhecer pensamentos e emoções é possível modificar o comportamento, agindo de forma mais assertiva diante de situações e gradualmente modificando o mindset para crescimento contínuo, aprimoramento pessoal/profissional.

Como trabalhar para buscar crescimento  

·         Ter um caderno para anotar situações em que a atitude não agradou, não trouxe benefícios, ou trouxe consequências negativas e após a anotação, identificar o sentimento desencadeado e o pensamento desencadeador, aquele primeiro pensamento automático que surge antes de responder ou agir sob determinada situação;

·         Identificar, a partir das emoções e comportamentos mapeados, crenças e valores norteadores, esta identificação ajudará na delimitação de regras assimiladas que não condizem mais com o objetivo ou que geram comportamentos de auto sabotagem e/ou nocivos à saúde e ao convívio em grupo;

·         Confeccionar um mapa de objetivos e metas a curto, médio e longo prazo, em várias esferas da vida, que servirão como motivação, inspiração e norte, de forma que a meta sempre esteja visível, e a cada decisão, seja possível consulta-la para verificar se as atitudes tomadas condizem realmente com o que se deseja atingir.

O trabalho do Psicólogo ao sugerir atividades e técnicas é instigar o cliente a realizar o trabalho e se perceber e conhecer melhor, de forma que ele próprio consiga, com o passar do tempo, identificar e modificar comportamentos, pensamentos e crenças limitantes. Para isto, a atividade deve ser bem explicada ao ser ensinada e durante as próximas sessões, devem ser feitas pontuações sobre o que poderia ter sido anotado melhor ou de forma diferente, além de auxiliar na linha de compreensão do processo que desencadeou o sentimento, e, consequentemente, o comportamento.

Além das descritas acima, existem diversas outras técnicas dentro da teoria cognitivo comportamental que podem auxiliar a desenvolver um mindset de crescimento. O trabalho terapêutico é sempre voltado para desenvolvimento pessoal e/ou profissional, tendo sempre em mente a demanda do cliente, auxiliando-o no processo de autoconhecimento e a se manter dentro dos objetivos e metas definidos.

Se identificou com o tema? Agende uma consulta com a Psicóloga Camila Jardim.

Avalie esse artigo:

Comentários:

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments