Business Partner: o que é e a sua importância para as empresas

Um business partner de RH se trata de um “parceiro de negócios” estratégico para as empresas que querem desenvolver com uma gestão de pessoas mais protagonista e alinhada aos objetivos do negócio.

Por mais que não seja uma função nova, tem ganhado mais espaço conforme as organizações passam a adotar as tendências de descentralização na gestão de pessoas. Neste artigo, você poderá entender melhor o que faz um business partner e o que o torna tão valioso para uma empresa. Continue a leitura!

O que é um business partner?

Como o próprio nome já diz, o business partner se trata de alguém que garante suporte a um negócio, ou seja, atua como um parceiro de negócios para complementar competências e conhecimentos existentes na empresa. Pode atuar em diferentes áreas de apoio ao negócio, como finanças, RH, TI, jurídico etc.

O business partner de RH, que é o foco deste artigo, é um profissional bastante experiente em Recursos Humanos. É responsável por atuar com a liderança sênior com foco no desenvolvimento e direcionamento de processos de gestão para impactar positivamente os objetivos.

Para isso, é necessário que ele tenha profundo conhecimento nos processos da organização, tanto em termos estratégicos como operacionais. Dessa forma, o business partner consegue oferecer o suporte adequado aos gestores e garantir maior eficiência.

Este profissional deve aproximar a gestão de pessoas das áreas de negócios, o que exige conhecimentos diversos. Além disso, é o braço direito no apoio a tomadas de decisões estratégicas que visam o crescimento sustentável e a melhora nos resultados.

O que este profissional faz?

O business partner de RH precisa conhecer os objetivos, resultados, métricas e atividades da empresa. É uma pessoa que trabalha diretamente com as altas lideranças da organização e, portanto, tem um papel extremamente estratégico, o que contribui para que o próprio RH se torne parte da estratégia organizacional.

O business partner de RH é quem alinha os objetivos do negócio à gestão de pessoas, atuando como um consultor em relação às questões atreladas ao RH.

Para executar as suas funções, precisa ter um conhecimento amplo, pois é perfil generalista que deve entender de tudo um pouco, ou seja, ter um olhar holístico bem desenvolvido. 

Entre as principais responsabilidades do business partner de RH, podemos citar:

  • trabalhar em soluções voltadas para a melhoria dos processos da empresa;
  • estruturar estratégias focadas em gestão de pessoas;
  • garantir harmonia no relacionamento entre equipes e áreas da organização para que todos trabalhem de forma colaborativa;
  • desenvolver os times e líderes com o objetivo de elevar a performance e, ao mesmo tempo, garantir satisfação e qualidade de vida;
  • analisar dados para entender fatores que interferem na produtividade, motivação e crescimento do negócio.

Quais são as competências de um business partner?

Um business partner só é vantajoso para uma empresa se for realmente eficaz e tiver as competências técnicas e comportamentais desejadas para executar o seu trabalho. São profissionais que podem ser administradores ou psicólogos, por exemplo, mas o mais importante é que tenham experiência e qualificação.

As principais competências de um business partner incluem:

  • visão sistêmica: conhecer o negócio como um todo e, ao mesmo tempo, não ignorar as particularidades de cada área;
  • inteligência emocional: ser capaz de reconhecer e lidar com as emoções para tomar decisões estratégicas e conseguir mediar conflitos com eficiência;
  • comunicação: é um profissional que atua como ponte entre a organização e os colaboradores e, portanto, precisa se comunicar com clareza e objetividade e ter excelente escuta ativa;
  • persuasão e negociação: fundamental para fazer alinhamentos, influenciar, propor mudanças melhorias e se relacionar com a alta liderança;
  • analítico: ser capaz de analisar dados e obter insights poderosos que poderão ser transformados em ações estratégicas para o negócio.

Quais são as diferenças entre o gerente de RH e o business partner?

Esse é um ponto que pode gerar confusão, por isso, é importante entender o que diferencia as duas funções.

O gerente de RH tem responsabilidades de gestão, com pessoas subordinadas e com a responsabilidade de administrar a área. Além disso, o dia a dia de trabalho é pautado por funções relacionadas ao recrutamento, salários, benefícios etc.

O business partner, por sua vez, não tem responsabilidades voltadas para gestão. Trata-se de um profissional que apoia o negócio atuando como conselheiro e/ou consultor. É orientado por dados e não tem como foco as funções administrativas e sim estratégicas.

Por que o business partner de RH é importante para as empresas?

O business partner de RH é uma vantagem competitiva para qualquer empresa que conte com um profissional realmente qualificado. Esse parceiro estratégico faz uma ponte entre o RH e os objetivos da organização, garantindo um investimento certeiro no capital humano que reverbera positivamente em todo o negócio.

A sua visão sistêmica sobre o negócio é o caminho para contar com uma gestão de pessoas mais estratégica e direcionada, capaz de fortalecer a ponte entre colaboradores e gestores. Por meio de uma visão imparcial, ele entende o que cada área precisa para evoluir e consegue propor inovações e soluções que visam auxiliar as lideranças na construção de um time de alta performance.

Enquanto o time interno de RH tem responsabilidades de gestão e administrativas, o business partner é capaz de olhar para o todo e trabalhar para que o time tenha mais protagonismo e relevância nos negócios. E tudo isso é fundamental porque o RH é o coração de uma empresa: quando esses profissionais fazem decisões mais assertivas, há maior motivação, felicidade e produtividade e, consequentemente, resultados muito melhores. 

Invista no capital humano da sua empresa

Nunca se falou tanto na importância de direcionar esforços para o capital humano. Os colaboradores de uma empresa não são mais vistos apenas como pequenas peças de uma engrenagem: eles têm motivações, insatisfações, necessidades e desejos. Tudo isso precisa ser levado em consideração, afinal, são responsáveis por manter a empresa viva e em crescimento.

Motivação, produtividade, satisfação e felicidade devem ser índices analisados o tempo todo. Ao contar com um business partner, a gestão de pessoas da sua empresa se torna muito mais estratégica e passa a contribuir para o crescimento do negócio como um todo. 

Por isso, não deixe de considerar a contratação deste profissional: investir em capital humano é investir no seu negócio!

Bruna Cosenza

Escritora, produtora de conteúdo freelancer e LinkedIn Top Voice 2019. Autora de "Sentimentos em comum" e "Lola & Benjamin", escreve para inspirar as pessoas a tornarem seus sonhos reais para que tenham uma vida mais significativa.

Recent Posts

Tristeza: entenda as causas e aprenda a lidar com esse sentimento

Aprender como lidar com a tristeza é fundamental para construir uma vida mais saudável e…

1 mês ago

Motivação: 7 Estratégias para se manter inspirado em qualquer situação

Entenda o que é a motivação e quais fatores internos e externos influenciam essa força…

1 mês ago

Benefícios dos exercícios de mindfulness + 5 exemplos para incluir na sua rotina

Os exercícios de mindfulness são uma ótima estratégia para encontrar um pouco de paz, silêncio…

2 meses ago

Qual é a relação entre saúde mental e qualidade de vida?

Entenda como saúde mental e qualidade de se relacionam e confira hábitos que você deve…

3 meses ago

Quais são os efeitos colaterais de medicamentos psiquiátricos?

Entenda quais são os efeitos colaterais que podem ser causados por medicamentos psiquiátricos e tire…

3 meses ago

Técnicas de relaxamento para ansiedade: 8 dicas para aliviar crises

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brasil tem a maior prevalência…

3 meses ago